Notícia

Renda básica emergencial aprovada na Câmara dos Deputados

Com uma forte mobilização social, conseguimos aprovar a Renda Básica Emergencial na Câmara dos Deputados! A proposta aprovada por deputados é destinada a todas as pessoas adultas de baixa renda que não tenham emprego com carteira assinada. O projeto prevê um valor de R$600 mensais por pessoa adulta, por um período de 3 meses, e cada família pode ter até duas pessoas beneficiadas. Mulheres que criam seus filhos e netos sozinhas têm direito a benefício duplo: R$1.200 mensais. Esse é um desenho muito melhor do que aquele proposto inicialmente pelo governo (que alcançaria muito menos gente com apenas R$200 mensais)! Um avanço tão importante não teria sido possível sem a mobilização de mais de 500 mil pessoas e 150 organizações e movimentos! 

Agora, precisa da aprovação do Senado para virar realidade. Senadores têm o poder de aperfeiçoar a proposta que vem da Câmara, incluindo dois pontos importantes: uma duração mínima de 6 meses, e a inclusão de todas as pessoas de baixa renda que tenham emprego formal mas estejam sofrendo reduções de salário e jornada.

Precisamos garantir que o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, coloque a proposta em votação com urgência para que o Senado faça essas mudanças e avance com o projeto. Pressione o Alcolumbre nas redes sociais: https://www.facebook.com/davi.alcolumbre/ e https://twitter.com/davialcolumbre

Saiba mais: www.rendabasica.org.br

Deixe um comentário