Notícia

Jornalista ilheense conquista o segundo lugar do Prêmio 99 de Jornalismo

A 99, empresa brasileira de tecnologia em mobilidade urbana, anunciou na última quarta-feira (02), em cerimônia virtual, os vencedores da terceira edição do Prêmio 99 de Jornalismo. Dentre os premiados, está a dupla de jornalistas baianos Jonathan Souza, de Ilhéus, e Daniel Brito, de Salvador, que conquistaram o segundo lugar na categoria Jovens Jornalistas, com a matéria “Evasão de passageiros traz discussão sobre tarifa ao centro das eleições”.

O primeiro lugar foi para a dupla Bruna Villar, do Rio de Janeiro, e Rodrigo Salgado, de Belo Horizonte, com o texto “Preferência por andar a pé subiu de 9% para 23% na pandemia”. Já o terceiro lugar ficou com Daniel Batista, de Pelotas-RS, e Fernanda Rosário, de Santos-SP, com a matéria “Apps ajudam no deslocamento e dão autonomia para pessoas com deficiência”.

Na categoria Profissionais do Jornalismo, foram premiadas a reportagem “Invisíveis no banco da frente”, de Manoela Alcântara, do jornal Metrópoles (primeiro lugar), a matéria “Risco e sobrevivência sobre duas rodas”, do Correio Braziliense (segundo lugar), e a série “Como tirar o transporte público de Porto Alegre do caminho do abismo”, do Gaúcha Zero Hora (terceiro lugar). Os vencedores foram selecionados entre 150 conteúdos inscritos.

Nascido em Jacobina, no norte da Bahia, Jonathan mora em Ilhéus desde 2012, quando iniciou seus estudos no curso de graduação em Comunicação Social (Rádio e TV), da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Durante a graduação, ele foi estagiário da Rádio UESC, atuando nas funções de produtor e repórter. Como profissional, trabalhou como assistente de comunicação no setor de Mídia e Produção da Editus (Editora da UESC) e como coordenador local do projeto MobCidades: Mobilidade, Orçamento e Direitos, no Instituto Nossa Ilhéus (INI). Atualmente, ele é voluntário na consultoria de projetos do INI, membro do Conselho Municipal da Cidade e atua como freelancer nas áreas de jornalismo, assessoria de comunicação e gestão de projetos.

Sobre o prêmio

O Prêmio 99 de Jornalismo é uma ação promovida desde 2018 pela 99, com foco na cobertura de mobilidade urbana. Nesta edição, a iniciativa contou com a parceria da Folha de São Paulo e premiou conteúdos jornalísticos que abordaram os desafios das cidades na pandemia.

Os 30 concorrentes na categoria Jovens Jornalistas participaram também do Lab 99 + Folha de Jornalismo, uma oficina de treinamento que contou com palestras de especialistas em mobilidade urbana e mentoria de jornalistas da Folha de São Paulo. Os participantes, graduandos e recém-formados nos cursos de Jornalismo e Comunicação Social de cidades brasileiras, foram selecionados por meio de um edital, que obteve 350 inscrições.

Os trabalhos das duas categorias foram selecionados por um júri formado por profissionais atuantes nas áreas de jornalismo e mobilidade urbana. A coordenação e validação dos resultados foi realizada pela Folha de São Paulo.

As matérias premiadas e o resultado completo estão disponíveis no link: http://www.premio99dejornalismo.com.br/vencedores.

Deixe um comentário