Notícia

Fundadora do Instituto Nossa Ilhéus recebe Comenda do Mérito de São Jorge dos Ilhéus

Única mulher presente na cerimônia para receber a Comenda do Mérito de São Jorge dos Ilhéos este ano, a fundadora e presidente do Instituto Nossa Ilhéus, Maria Do Socorro Mendonça, recebeu a honraria como reconhecimento por ser uma das lideranças mais atuantes do município. O evento aconteceu na sexta-feira, dia 28, no Teatro Municipal de Ilhéus.

Em seu discurso, ela destacou a importância da atuação da sociedade civil organizada para o fortalecimento do poder público constituído, a fim de atuar em alinhamento a uma agenda sustentável que respeite a vocação da cidade e região.

A entrega da Comenda – que reconhece o trabalho de homens e mulheres que prestam serviços relevantes e contribuem para o progresso do município – foi parte da programação do aniversário dos 485 anos de fundação e 138 anos de elevação à categoria de cidade, realizada pela Prefeitura nesta sexta-feira (28), no Teatro Municipal de Ilhéus.

Os demais homenageados foram o médico clínico geral, Francisco Caldas Sampaio Netto; a deputada federal (PSB) pelo Estado da Bahia, Lídice da Mata e Souza; deputado federal (PSD) pelo Estado da Bahia, Paulo Sérgio Paranhos de Magalhães; padre da Diocese de Ilhéus, José Alvino de Cristo; pastor evangélico e psicanalista, Pedro de Jesus Chagas e o médico cardiologista e atual secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas.

Maria do Socorro Mendonça, 60 anos, atua como diretora-presidente do Instituto Nossa Ilhéus desde 2012. Realiza advocacy por causas em prol do fortalecimento da vocação regional em cacau, chocolate e turismo. Sua história de vida a fez reconhecida Empreendedora Social Ashoka, atuando em diversos espaços de governança em âmbito local, regional e nacional, como a Rede de Ação Política pela Sustentabilidade, onde também é Empreendedora Cívica RAPS. Como agente da sociedade civil, soma conquistas como umas das lideranças mais atuantes do município.

Fotos: Rodrigo Macêdo (Secom Ilhéus) e Ruy Penalva.

Deixe um comentário